Sou formado, mas quero fazer intercâmbio. É possível?

Como fazer intercâmbio depois de formado?

Muitas pessoas acreditam existir uma idade limite para fazer intercâmbio, sendo necessário estar no ensino médio ou na faculdade para realizar esse sonho.

Uma pessoa que planeja um intercâmbio antes de sua formação profissional tem como objetivo aprender ou aperfeiçoar um idioma, conquistar experiência internacional e/ou o amadurecimento, por estar longe de casa e dos cuidados dos pais.

Mas nada impede que alguém mais experiente, já formado e com uma carreira construída coloque em prática o plano de realizar um intercâmbio.

Assim, os objetivos da viagem podem variar de acordo com o momento de vida do futuro intercambista. Se for alguém com pouco domínio do idioma estrangeiro e com disponibilidade para permanecer viajando por um período de 6 meses a 1 ano, é perfeitamente possível que o faça com o intuito de se dedicar aos cursos da língua estrangeira e, se necessário, trabalhar para se sustentar nesse período.

Se for uma pessoa com responsabilidades e compromissos que a impedem de colocar seu trabalho em segundo plano, o objetivo da viagem pode ser justamente o de se especializar em sua área de atuação, já que em diversos países é possível encontrar cursos profissionalizantes.

Nesse caso, além de ser obrigatório que o profissional já tenha domínio do idioma estrangeiro, o ideal é que  pesquise os países e universidades mais renomados na área da especialização escolhida. Dependendo do nível do curso e da instituição, alguns pré-requisitos são solicitados, como comprovação de experiência na área ou idade mínima. Outro fator que deve ser levado em consideração é o tempo em que se pode ficar viajando, já que é possível encontrar cursos de curta duração (algumas semanas) ou de duração mais extensa, podendo chegar a um ano ou mais anos.

Os países mais procurados para cursos profissionalizantes são Canadá, Itália, Estados Unidos e Austrália. As áreas variam bastante, mas Marketing, Direito e Moda ocupam as primeiras posições do ranking.

A boa notícia é que em qualquer momento da vida é possível passar um período fora do país. Basta se planejar e definir quais serão seus objetivos. E, independentemente do momento e dos objetivos, conte sempre com a Korn Traduções para realizar a tradução juramentada dos documentos necessários para sua viagem!

Fazer intercâmbio após formado é viável?
Após formado, o sonho de fazer intercâmbio ainda pode ser realizado sem muito esforço.

[:en]Muitas pessoas acreditam existir uma idade limite para fazer um intercâmbio, sendo necessário estar no ensino médio ou na faculdade para realizar esse sonho.

Uma pessoa que planeja um intercâmbio antes de sua formação profissional tem como objetivo aprender ou aperfeiçoar um idioma, conquistar experiência internacional e/ou o amadurecimento, por estar longe de casa e dos cuidados dos pais.

Mas nada impede que alguém mais experiente, já formado e com uma carreira construída coloque em prática o plano de realizar um intercâmbio.

Assim, os objetivos da viagem podem variar de acordo com o momento de vida do futuro intercambista. Se for alguém com pouco domínio do idioma estrangeiro e com disponibilidade para permanecer viajando por um período de 6 meses a 1 ano, é perfeitamente possível que o faça com o intuito de se dedicar aos cursos da língua estrangeira e, se necessário, trabalhar para se sustentar nesse período.

Se for uma pessoa com responsabilidades e compromissos que a impedem de colocar seu trabalho em segundo plano, o objetivo da viagem pode ser justamente o de se especializar em sua área de atuação, já que em diversos países é possível encontrar cursos profissionalizantes.

Nesse caso, além de ser obrigatório que o profissional já tenha domínio do idioma estrangeiro, o ideal é que  pesquise os países e universidades mais renomados na área da especialização escolhida. Dependendo do nível do curso e da instituição, alguns pré-requisitos são solicitados, como comprovação de experiência na área ou idade mínima. Outro fator que deve ser levado em consideração é o tempo em que se pode ficar viajando, já que é possível encontrar cursos de curta duração (algumas semanas) ou de duração mais extensa, podendo chegar a um ano ou mais anos.

Os países mais procurados para cursos profissionalizantes são Canadá, Itália, Estados Unidos e Austrália. As áreas variam bastante, mas Marketing, Direito e Moda ocupam as primeiras posições do ranking.

A boa notícia é que em qualquer momento da vida é possível passar um período fora do país. Basta se planejar e definir quais serão seus objetivos. E, independentemente do momento e dos objetivos, conte sempre com a Korn Traduções para realizar a tradução juramentada dos documentos necessários para sua viagem!

Intercâmbio após formado é viável?
Após formado, o sonho de fazer um intercâmbio ainda pode ser realizado sem muito esforço.

[:es]Muitas pessoas acreditam existir uma idade limite para fazer um intercâmbio, sendo necessário estar no ensino médio ou na faculdade para realizar esse sonho.

Uma pessoa que planeja um intercâmbio antes de sua formação profissional tem como objetivo aprender ou aperfeiçoar um idioma, conquistar experiência internacional e/ou o amadurecimento, por estar longe de casa e dos cuidados dos pais.

Mas nada impede que alguém mais experiente, já formado e com uma carreira construída coloque em prática o plano de realizar um intercâmbio.

Assim, os objetivos da viagem podem variar de acordo com o momento de vida do futuro intercambista. Se for alguém com pouco domínio do idioma estrangeiro e com disponibilidade para permanecer viajando por um período de 6 meses a 1 ano, é perfeitamente possível que o faça com o intuito de se dedicar aos cursos da língua estrangeira e, se necessário, trabalhar para se sustentar nesse período.

Se for uma pessoa com responsabilidades e compromissos que a impedem de colocar seu trabalho em segundo plano, o objetivo da viagem pode ser justamente o de se especializar em sua área de atuação, já que em diversos países é possível encontrar cursos profissionalizantes.

Nesse caso, além de ser obrigatório que o profissional já tenha domínio do idioma estrangeiro, o ideal é que  pesquise os países e universidades mais renomados na área da especialização escolhida. Dependendo do nível do curso e da instituição, alguns pré-requisitos são solicitados, como comprovação de experiência na área ou idade mínima. Outro fator que deve ser levado em consideração é o tempo em que se pode ficar viajando, já que é possível encontrar cursos de curta duração (algumas semanas) ou de duração mais extensa, podendo chegar a um ano ou mais anos.

Os países mais procurados para cursos profissionalizantes são Canadá, Itália, Estados Unidos e Austrália. As áreas variam bastante, mas Marketing, Direito e Moda ocupam as primeiras posições do ranking.

A boa notícia é que em qualquer momento da vida é possível passar um período fora do país. Basta se planejar e definir quais serão seus objetivos. E, independentemente do momento e dos objetivos, conte sempre com a Korn Traduções para realizar a tradução juramentada dos documentos necessários para sua viagem!

Intercâmbio após formado é viável?
Após formado, o sonho de fazer um intercâmbio ainda pode ser realizado sem muito esforço.

[:]

Korn Traduções

Korn Traduções

Agilidade, Segurança e Qualidade. CONHEÇA NOSSO PROCESSO Anexe seus documentos e escolha o tipo de serviço que deseja.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.